.: Arquivos :.

- 28/09/2008 a 04/10/2008
- 27/07/2008 a 02/08/2008
- 31/12/2006 a 06/01/2007
- 26/11/2006 a 02/12/2006
- 19/11/2006 a 25/11/2006
- 05/11/2006 a 11/11/2006
- 29/10/2006 a 04/11/2006
- 24/09/2006 a 30/09/2006
- 03/09/2006 a 09/09/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 16/07/2006 a 22/07/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 29/01/2006 a 04/02/2006
- 25/12/2005 a 31/12/2005
- 11/12/2005 a 17/12/2005
- 19/06/2005 a 25/06/2005
- 06/02/2005 a 12/02/2005
- 16/01/2005 a 22/01/2005
- 26/12/2004 a 01/01/2005
- 19/12/2004 a 25/12/2004
- 12/12/2004 a 18/12/2004



.: Outros sites :.

- Contatos com a autora do blog taniarubia@oi.com.br
- _________________________
- Angel Cabeza - Poesia
- Pintura - Artista Angel Estevez
- Cássio Amaral
- Rodrigo Capela
- Acontece com as mulheres
- Flor de Liz
- Rafael Nolli
- Alma Guerreira
- Flávia Daniela
- Lua em Poemas
- Reflexos da Alma
- Cida
- Bené Chaves
- Colcha de Retalhos
- Angela
- Loira na Lua
- Regina
- Blog Entre Amigos
- Smareis


.: Votação :.

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


.: Visitantes :.

.: Créditos :.

Dream Melody Layouts
template by cecis




CURA, CORES E CROMO

Calcita verde



A Cromoterapia, ou a cura pelas cores, já era conhecida na Grécia, durante a idade do ouro, nos templos do antigo Egito, na Babilônia e nas antigas civilizações da Índia e China. Em todos as eras tem sido sempre empregada com bastante eficácia, seja para acalmar, curar e restaurar a saúde, a harmonia e o equilíbrio, tonificar a mente e nutrir o espírito.

A cromoterapia foi praticamente redescoberta em 1877 com experiências realizadas no crescimento das plantas por Robert Hunt, através da irradiação da luz. Surgiram após os primeiros livros do doutor Pancoast que tratavam do uso do vermelho estimulante e do azul calmante sobre o corpo humano e, em 1878, a monumental obra do doutor Babitt, descrevendo os efeitos curativos das cores do espectro colar.

Em 1933 Ghadiali, um cientista indiano, descobriu os efeitos científicos que explicam porque e como os raios coloridos têm efeitos terapêuticos diversos sobre o organismo e também desenvolveu vários tipos de lâmpadas coloridas e postulou que as cores representam potenciais químicos em altas oitavas de vibrações.

O uso cientifico da cor está sendo cada vez mais reconhecido e sendo utilizado nos dias de hoje, tanto no que se refere a terapia como da decoração, no vestuário e até mesmo na arquitetura. Sabe-se que a cor influencia tudo o que existe na face da terra, tanto no reino mineral, vegetal, animal, como no humano. Tudo é sensível a luz. Um metal exposto ao sol por um determinado tempo, por exemplo, perderá o brilho. A luz e a cor são vibrações provenientes do sol, o doador da vida. Hoje, sabemos que existem motores inteiramente movidos a Luz solar.

Um cientista americano descobriu que o nervo ótico que nos possibilita a visão é função básica do corpo humano, controlando as glândulas e os chacras ou centros de energias sutis do ser humano, responsáveis pela sensibilidade e pelas faculdades em geral.

- No Worcester State Hospital costuma-se dar banho de cores para a cura de certos pacientes com doenças mentais. Usam-se muito verde nas paredes e nos vidros das janelas com a luz solar filtrando por eles e com banheiras e mobílias também verdes, chegando-se a conclusão que isso acalmava os nervos. A sensação era como se estivessem em um vale, entre as montanhas, em um dia quente de verão.

PARA ESTE NATAL

Indico a cor verde para este natal. O verde representa a natureza e é chama de a cor do sangue vegetal.
O verde é calmante, tranqüilizante, estimula a cura e a segurança.
Localizado no chakra cardíaco, o verde influencia poderosamente o coração, a pressão arterial alta e é benéfico para os nervos.

Tome águia solarizada com luz verde, use uma peça de roupa nesta cor ou coloque uma gema verde no seu chakra cardíaco, como um curativo.

FELIZ NATAL!

- Enviado por: Tânia Rúbia às 22h20
[ ] [ envie esta mensagem ]

---------------- * ----------------